newsletter

Receba gratuitamente e em 1ª mão as notícias do aftermarket automóvel! 



Montagem de Correias de Distribuição

24 Agosto 2009

Conselhos Práticos e conselhos de segurança.

- Desconecte o cabo de terra da bateria.
- Retire todas as correias de transmissão, polias ou tubos que podem dificultar a separação da protecção da correia dentada de distribuição.
- Separe a protecção situada em cima da correia dentada de distribuição.
- Gire a roda dentada no sentido do andamento do motor até ao ponto morto superior. Alinhe a marca situada na carcaça do motor com a marca situada na roda dentada (figura 1).
- Afrouxe o parafuso de graduação do tensor.
- Afaste o tensor da correia dentada de distribuição e volte a aparafusar o tensor (figura 2).
- Retire a correia dentada de distribuição.
- Submeta o tensor interior, tensores exteriores lisos e polias de transmissão a uma revisão sobre possíveis desgastes e danos, e substituía-os se necessário (figura 3).
- Ajuste todas as marcas nos alinhamentos correspondentes.
- Coloque a nova correia dentada de distribuição nas polias.
- Afrouxe o parafuso de graduação do tensor, para que este se possa mover de novo até à correia dentada de distribuição.
- Coloque o tensor com cuidado na posição definitiva (tenha em conta a força elástica!). No caso de um tensor não automático, estique a correia dentada de distribuição com o correspondente medidor de tensão, segundo as instruções do fabricante do automóvel (figura 4).
- Controle os alinhamentos das marcas.
- Mova a roda dentada da árvore pelo menos duas rotações no sentido do andamento do motor para garantir a tensão óptima da correia dentada de distribuição através do tensor.
- Uma vez mais controle os alinhamentos das marcas.
- Ajuste o tensor até à sua posição assinalada e aperte os parafusos com o par de motor assinalado (figura 5).
- Coloque a protecção da correia dentada de distribuição assim como todas as correias de transmissão, polias e tubos retirados, no seu lugar original.
- Conecte de novo o cabo de terra à bateria.
- Arranque o motor.
- Em caso de necessidade realize os ajustes oportunos.
- Destrua ou recicle de forma adequada a correia substituída.

Conselhos de Segurança

- Utilize para a montagem obrigatoriamente - se as instruções assim o indicarem - ferramentas especiais! Coloque a correia com a mão, sem forçá-la.
- As correias dentadas de distribuição nunca devem ser montadas nas polias de maneira forçada ou empregando chaves de fenda porque se pode danificar a armação (figura 6).
- Não submeta nunca os componentes de comando a um tratamento com dissolventes corrosivos (figura 7).
- Proteja a correia do óleo lubrificante e outros produtos químicos!
- Em todos os casos preste atenção às indicações de montagem do fabricante do automóvel! Podem-se encontrar, por exemplo, num manual ‘Autodata’ - Substituição da correia dentada de distribuição.
- Na embalagem encontrará além da correia um adesivo ‘substituição da correia dentada de distribuição’. Cole-o visivelmente na carcaça do motor.
- Não importa que componentes estão defeituosos - se o tensor, a polia de inversão ou a polia guia - em qualquer caso há que substituir o conjunto de componentes!

Texto: Redacção e ContiTech | Fotos: ContiTech




figura 7 figura 6 figura 5 figura 4 figura 3 figura 2 figura 1
Quem Somos   |   Contactos   |   Publicidade   |   MKT Empresas   |   Condições Legais